The Only Exception – Capítulo II

Hyunseong acordou animado naquela manhã de sábado. Ele não precisava realmente acordar cedo, mas estava tão ansioso para o resto do dia que mal conseguia pregar os olhos. Tinha um encontro com Jeongmin. Provavelmente, para o mais novo, aquilo não era exatamente um encontro, mas não importava para Hyunseong no momento. Ele se levantou e foi direto se arrumar. Tomou banho, ajeitou seus cabelos e unhas e tentou procurar algo para vestir. Não conseguia decidir quais peças seriam apropriadas e ficara por quase meia hora revirando seu guarda roupa procurando algo. Se sentia um pouco estúpido por isso, estava totalmente animado com um encontro que nem era um encontro. Mas não podia controlar suas ações.

Após mais um tempo procurando algo, optou por um sobretudo cinza claro com alguns detalhes em prata, uma calça skinny branca e seu all star preto. Ele queria algo um pouco menos tradicional, mas não poderia sair como se estivesse indo à entrega do oscar. Quando Hyunseong se deu por si, já era praticamente a hora que ele deveria sair. Eles tinham combinado que Hyunseong passaria na casa de Jeongmin para irem, já que Hyunseong já tinha sua habilitação, eles iriam de carro até Hongdae para fazer compras. Então Hyunseong seguiu para a casa de Jeongmin, que ele havia descoberto que não ficava muito longe da sua. Quando chegou, ficou dentro do seu carro, que no caso era o carro do seu pai, esperando para ver se Jeongmin saia pela porta. Mas depois de 15 minutos, se cansou de esperar e resolveu tocar a campainha. Não demorou muito até que a porta se abrisse e ele desse de cara com uma senhora, que imaginou ser a mãe de Jeongmin. Ela parecia ter seus quarenta anos e usava roupas apertadas e de couro, acompanhadas de algumas correntes de prata e de uma maquiagem forte. Os cabelos loiros um pouco desbotados presos em um coque. Definitivamente não se parecia nada com sua mãe, Hyunseong pensou.

– Olá querido, você é Hyunseong, certo? – ela disse já praticamente puxando Hyunseong pra dentro de casa.

-S-sim, muito prazer senhora Lee – Hyunseong fez uma referência rápida.

– Não precisa ser tão formal comigo – ela sorriu, e ele percebeu que seu sorriso se parecia um pouco com o de Jeongmin, então sorriu timidamente de volta – Sabe, já ouvi falar muito de você.

– Já ouviu?

– Sim, Jeongmin sempre me fala de você, e realmente você é muito lindo – Hyunseong arregalou os olhos, será que Jeongmin falava mesmo dele para sua mãe? – Ah, ele já vai descer, esse garoto demora eras para se arrumar.

Depois de 10 minutos que Hyunseong passou conversando com mãe de Jeongmin, ele desceu. E então os dois saíram, ouvindo vários avisos sobre não chegar tarde, não falar com estranhos e tomar cuidado com o dinheiro.
X
Quando chegaram lá, Jeongmin, que tinha acabado de ganhar sua mesada, queria gasta-la inteira em sapatos.

– Tenho certeza que você não vai usar nem metade disso – Hyunseong disse enquanto observava Jeongmin abrir a quinta caixa de sapatos para experimentar.

– Claro que vou, e quanto mais eu tiver, melhor. Você também devia comprar alguns.

– Não, obrigada, já tenho muitos.

– Muitos quantos?

– Muitos 5 ou 6.

– Desde quando isso é muito? Isso é o que eu vou comprar só hoje.

– Isso porque você é muito consumista, inclusive, melhor irmos embora logo antes que você compre a loja inteira – Hyunseong riu enquanto Jeongmin parecia irritado, um pouco antes de rir também e dar um soco leve no braço de Hyunseong.

– Só saio daqui se for para comer, e com seu dinheiro, o meu vai todo nisso aqui.

– Você é muito folgado, Lee Jeongmin. Mas tudo bem, eu pago.

– Sabia que iria. – Então, Jeongmin entrelaçou as mãos com Hyunseong para guia-lo até o caixa.

Hyunseong sentia seu coração bater mais rápido a cada passo que dava. Sempre ficava próximo de Jeongmin mas, nunca era o mais novo que iniciava o contato físico e Hyunseong não conseguia conter o estúpido sentimento de felicidade que crescia dentro dele toda vez que Jeongmin o tocava. Ele se sentia um idiota, um idiota que só conseguia pensar em Lee Jeongmin.
Anúncios

Um comentário sobre “The Only Exception – Capítulo II

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s