The Only Exception – Prólogo

Hyunseong estava um pouco nervoso e totalmente empolgado com seu primeiro dia de aula. Podia parecer algo bobo e infantil, mas era impossível se conter. Ele havia estudado na mesma escola desde que se conhecia por gente. Por um lado fora difícil se despedir dos antigos colegas, mas por outro estava feliz em poder conhecer pessoas novas. Ele saia pouco, por isso os únicos lugares disponíveis para conhecer alguém, eram a escola e alguns cursos que já havia frequentado. Aquela era uma oportunidade de viver algo novo. Mas no fundo podia sentir que estava animado demais e que o lugar poderia ser menos do que esperava.

Desceu do ônibus um pouco incerto sobre o local em que estava. Não sabia se havia descido no ponto de ônibus correto e não conseguia ver nenhuma indicação para seu caminho. Começara a sentir um leve pânico por estar perdido até que visualizou, do outro lado da rua, três garotos usando o mesmo uniforme que ele e se sentiu um pouco aliviado. Resolveu seguir os garotos. Claro que eles poderiam estar indo para outro lugar ao invés da escola, mas não é como se Hyunseong tivesse outra opção. Após seguir o grupo discretamente por um quarteirão, conseguiu ver uma construção enorme com o nome Instituto Ross talhado em letras garrafais, porém sofisticadas, em sua entrada. Só então conseguiu se acalmar totalmente. Hyunseong era quase profissional em se perder pela cidade, por isso sempre se assustava um pouco quando andava em locais desconhecidos, mas agora que já tinha o caminho do colégio na memória, seria difícil repetir o feito.

As primeiras aulas se resumiram em apresentações diante o professor e a turma de cada aula, que Hyunseong descobriu que odiava fazer, e algumas conversas aleatórias com poucos colegas que se mostraram simpáticos. Parecia que ali era raro novatos serem transferidos no meio do ano letivo, mais um motivo que deixou Hyunseong com extrema vergonha dos olhares curiosos durante as várias apresentações. Ele era do tipo que adorava conversar e falava livremente até com estranhos, mas tinha certo pavor de falar em público. Realmente não havia pensado nessa parte da transferência.

X

Na hora do intervalo, ficara totalmente perdido naquele refeitório lotado, parecia que todas as mesas estavam ocupadas e Hyunseong não teria coragem de simplesmente sentar em alguma delas. Mas o lugar era muito grande, e ele viu que também havia uma parte descoberta com um número bem menor de ocupantes.

Ali na área descoberta, haviam algumas mesas vazias e então ele consegui uma para se sentar. Uma vez instalado, parou para observar a sua volta. A parte externa era composta por árvores em toda sua extensão e bem perto das mesas, fixadas numa grama verde e bem cuidada. Era bem mais bonito e relaxante que o caótico refeitório cheio de barulho e movimento. Ali era mais tranquilo, tinha uma aura diferente do resto da escola, apesar de estar dentro dela.

Enquanto fazia uma vista geral do ambiente, seus olhos se fixaram em um certo ponto. Uma mesa que estava a cerca de três metros de distância de sua própria e que era ocupada apenas por um garoto. Hyunseong não sabia exatamente o que chamara tanto sua atenção a ele. Se foram seus cabelos avermelhados, os brincos e correntes brilhantes, ou o olhar profundo que estava concentrado em um papel que ele possuía. Só sabia que poderia ficar encarando por uma eternidade.
Anúncios

Um comentário sobre “The Only Exception – Prólogo

  1. Geeh disse:

    Assim, você devia ser proibida de escrever fics pq você me deixa curiosa e eu não gosto disso n ODSFHJISUDHF então trate de continuar logo, obrigada de nada n IHDSFIJDHF e esse ultimo paragrafo foi tão amorzinho <33

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s